Crônica: Pensar para viver!




Numa noite de chuva decidi voltar ao meu passado lendo cartas e histórias antigas do meu diário em que só se via ilusões criadas por mim na época. Sei que por mais que eu quisesse eu não sabia o que passava pela sua cabeça, hoje eu sei. Sei que por um ano e meio você fingiu que gostava de mim ou apenas ficava perto de mim por interesse porque eu sempre fazia ótimos trabalhos e os professores adoravam fazer provas em dupla, mais ainda bem que acabou, chega de ilusões em minha vida, precisamos viver totalmente de verdade deixar os contos de fadas para trás e viver o mundo real.

Outra coisa que me aconteceu há tempos atrás foi esperar que pessoas do mesmo sangue nos amassem de verdade, mas na realidade (alguns) não. O que simplesmente passa pela cabeça dessa pessoa é que ela tem de nos amar por obrigação, ele é meu parente ame-o querendo ou não.  Vim descobrir isso em minha vida depois de observar muito o quanto determinadas pessoas são falsas e rasas.


Mas calma, eu busco ao Senhor, porque ele a todo o momento me fortalece e vai me mostrar o certo a se fazer em cada dia de minha vida, hoje posso estar aqui blogando, amanhã posso está viajando por aí com uma mala azul e uma roupa de frio para New York Times. Vamos pensar e depois viver!

Nenhum comentário:

Postar um comentário