Sim, meus dezesseis anos

 



Descidi esse ano não fazer esse ano nenhum post de agradecimento por tudo, porém, agradeci lá no meu snapchat, para não me expor tanto mais mandei tudo o que achei dos meus quinze anos e o que eu espero dessa nova etapa da minha vida que se começa.

Nós, seres humanos, precisamos viver e para isso, precisamos de muitas coisas, e uma delas é o tempo, coisa que nunca espera a gente para nada. Coisa que eu já sabia só serviu para me alertar mais, do quanto temos que aproveitar cada segundinho do nosso precioso tempo, que passa num estralos de dedo.

Não sei muito bem a idade das pessoas que me leem mais eu vou falar minha reflexão pessoal dos meus quize anos.

Eu aprendi muita coisa, acreditem, coisas que eu me imaginava aprender com 20 anos, quanto da mesma forma, eu vivi muita coisa com muitas pessoas especiais. Aprendi do quanto a vida gosta de nos ensinar e a melhor maneira de educar é nos machucar, e todas as vezes eu aprendi sem me esbeltar a querer estar certo ou me aceitar como certo.

"Hoje meu animo para escrever já não está como antes, passei a ver o mundo de uma maneira diferente, não parei de amar, mas aprendi a viver sem você aqui."

Só lembrando para ficarem ligados aqui no blog nas segundas e sextas-feiras.  
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário