BRILHOS CASTANHOS

Imagem do We Heart It

Sinto-me presa, consequentemente por algumas ações impensáveis minhas, deito-me sobre a cama e me encontro cansada de tanto pensar em você, passo horas e horas pensando em como era gostoso está na tua presença, como eu nunca conseguia enjoar seu olhar diante de mim, você era uma das minhas melhores distrações.

Passo alguns minutos relembrando como fui rude, como não pensei nas atitudes as quais tomei, você não faz muita ideia de como me senti após essas ações, mas sei que você também sofre, mas obviamente foi da sua forma.

Que olhar poderá ser esse, olhos castanhos diante de tanto azuis e pretos, revirada em tua direção não para reparar se você estava me olhando, mas para te olhar também, não me canso, não me conformo em saber que não terei mais teus olhos reviramos a mim, seus olhos já não são mais meus.

Te arrumei outros olhos ou apenas afastei teus olhos dos meus? Pode ser que sejam os dois, pode ser que seja apenas um ou pode ser também que nada havia existido, nada poderá se esconder por trás de apenas um olhar castanho, pode ser algo fictício, pode ser algo da minha cabeça.

Acalmo-me e penso que tudo passa de apenas um sonho, não se passa nada entre nós e apenas nos conhecemos no colegial e nos se separamos num preparatório, desculpa, mas cansei de aguardar algo que se esconde nos teus brilhos castanhos.


Curta nossa página no Facebook clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário