Seguindo sem teu amor



Parece que não estamos mais andando para frente, você pediu um tempo e depois saiu de mim. Você tentou eu sei, nós tentamos, mas não deu. Eu fico me culpando por não poder fazer nada sobre, mas eu posso, eu queria poder fazer, mas não depende só de mim. Muito do que acontece aqui depende da gente. Não de uma pessoa X muito menos de uma pessoa Y, depende apenas de nós.


Quando eu te conheci ainda existiam dúvidas se realmente seria você, mas eu passei a acreditar ter encontrado o verdadeiro amor. Não está sendo fácil. Não existe borracha que apague você do meu coração. O tempo não vai servir de muita coisa, mas você vai me servir de tudo, o que eu queria fazer para te ter aqui de volta. O alistamento de coisas me deixaria mais triste por isso decidi tentar seguir sem teu amor.

Não existe mais nem um por cento de carinho, fardo de amor ou comunicação, você quer tempo e eu tento explicar que nosso amor não poderia se apagar. Posso estar enganada, posso até tentar seguir em frente, mas sem vírgulas e mais vírgulas, o meu coração está em pedaços sem teu amor. É imprevisível mediar o tamanho desse amor, é apenas amor, só precisamos vivê-lo.

Existem muitas dificuldades que me fazem querer seguir, me fazem deixar de sorrir. Eu preciso relaxar, me acalmar e deixar que as coisas fiquem bem. Eu preciso parar de pensar nisso, mas não estou pensando em muitas coisas, estou pensando em você e toda a barra que enfrentamos. Chegamos aqui, depois de alguns meses e eu vou seguir, não porque eu quero, mas porque não posso ficar amarrada a essa dor que corrói meu coração. Vou seguindo sem teu amor aqui.

*Fonte da imagem (clique aqui).

Nenhum comentário:

Postar um comentário