Ame de verdade e não de mentira



É tão gostoso sentir que não estamos sozinhos, que quando precisarmos de alguém o mesmo estará aqui. Sei, eu curto muito amar, curto nossos Hobbies em comum e curto nossos filmes de sexta-feira, mas meu dói, e você logicamente deve até saber por que, mas se fazer de bobo é sua experiência, acontece que aquele amor, gostoso, lindo e calmo, acabou.
Você pode logicamente virar para mim e me lembrar de que terminamos, mas minha maior dor não é por mim, acredite. Minha maior e indecisa dor vem daquelas pessoas investem em namoros por conta dos presentes que poderiam ganhar. Isso sim, me dói.
Pessoas que não amam o seu próximo e sim o seu dinheiro. Oro todos os dias por um mundo que contenha mais amor que ambição, mas a cada dia que se passo me deparo com namoros arranjados em véspera de dia dos namorados.
Esse texto mais que obviamente não tem o objetivo de julgar ninguém e nem exibir uma indireta, mas sim o intuito de abrir os olhos das pessoas e ensiná-las que o amor não se resume em um presentinho, a menos que você se der a esse preço, o que na verdade é uma idiotice até porque o amor não tem preço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário